Tabela IRRF 2018

Tabela IRRF 2018: Tabela Progressiva Imposto de Renda 2018

Todos os anos milhares de brasileiros precisam desembolsar um valor para quitar o imposto. No entanto, para isto é necessário saber a tabela IRRF 2018. Deste modo, o tributo é importante e deve ser declarado. Sendo assim, a tabela IRRF 2018 é uma forma de saber todos os detalhes. Veja mais informações a seguir.

Tabela IRRF 2018
Tabela IRRF 2018

➜ Veja as atualizações para o Imposto de Renda 2019

Tabela IRRF em relação ao Imposto de Renda

O imposto de renda é um tributo descontado anualmente do rendimento do trabalhador ou empresa. Esta quantia é entregue ao governo federal e definida por este governo.

O imposto pago pelo trabalhador é denominado IRPF (Imposto de Renda sobre Pessoa Física) e a declaração são denominadas DIRPF (Declaração de Ajuste Anual). O IRRF (Imposto de Renda Retido na Fonte) é obrigatório à pessoa jurídica de qualquer natureza.

Deste modo, é preciso reter o imposto correspondente a qualquer beneficiário assalariado contratado, conforme regulamento do Imposto de Renda.

O seu cálculo utiliza como base a riqueza do contribuinte, assim é aplicada uma porcentagem (alíquota), obedecendo à tabela.

Através da tabela 2018 é possível definir o IR conforme as faixas de rendimentos dos contribuintes.


Quem deve declarar o IRPF?

Todos os anos as regras podem ser atualizadas, no entanto é comum que pouca coisa altere e influencie na tabela IRRF 2018.

Deste modo, no ano anterior para ter uma ideia vamos apresentar os detalhes das regras passadas. Confira a seguir.

  • Apresentou posse ou propriedade em 31/12/2017 de bens ou direitos superiores a R$ 300 mil;
  • Atua com atividade rural e possui renda bruta acima de R$ 142.798,50. Este valor deve ser compensado no ano-calendário de 2015 ou posteriores, prejuízos de anos-calendários anteriores ou do próprio ano-calendário de 2015;
  • Com a venda de um imóvel residencial aconteceu à isenção de IR sobre o ganho de capital. Esta quantia foi usada para uso em outro imóvel residencial no prazo de 180 dias;
  • É residente no Brasil em qualquer data e comprova essa condição;
  • Fez operações na bolsa de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas;
  • Foi obtido em qualquer mês um ganho na alienação de bens de direito. Ainda a quantia teve a incidência de imposto, cooperações em bolsas de valores de mercadorias, de futuros e assemelhados;
  • Os rendimentos tributáveis, como salários e aluguéis, cuja soma foi superior a R$ 28.559,70;
  • Teve como recebimentos isentos não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte com renda superior a R$ 40.000,00.

Quem não precisa declarar o IRPF?

Existem alguns cidadãos que não enquadram na situação econômica acima, portanto, não precisa declarar o Imposto de Renda. Neste caso, ela não se encaixa e não precisa se preocupar com a tabela IRRF 2018. Sendo assim, são:

  • Apresenta renda mensal de até 1.903,98 (de acordo com a tabela de 2016);
  • Beneficiário de aposentadoria, pensão ou reforma;
  • Possui posse de bens e direitos, desde que o valor total de até R$300.000,00.

Não precisa também declarar portadores de:

  • AIDS (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida);
  • Alienação Mental;
  • Cardiopatia Grave;
  • Cegueira;
  • Contaminação por Radiação;
  • Doença de Paget em estados avançados;
  • Doença de Parkinson;
  • Esclerose Múltipla;
  • Espondiloartrose Anquilosante;
  • Fibrose Cística (Mucoviscidose);
  • Hanseníase;
  • Hepatopatia Grave;
  • Nefropatia Grave.
  • Neoplasia Maligna;
  • Paralisia Irreversível e Incapacitante;
  • Tuberculose Ativa.

Como declarar o IRPF?

Chegando o prazo da declaração é importante não deixar para última hora. Pois neste período o sistema sofre congestionamento e insto influencia e atrapalha o processo.

Para fazer a declaração é simples, depois de conferir a tabela IRRF 2018 basta:

  • Usar o Programa IRPF destinados a Tablets e Smartphones;
  • Fazer a instalação;
  • Seguir as etapas apresentadas;
  • Concluir conforme dados apresentados.

Tabela IRRF 2018

Todos os anos o Governo Federal disponibiliza uma tabela com as alíquotas (percentual de algum valor tributado) que vão ser cobrada na IRPF 2018.

Através da tabela, o contribuinte pode se guiar sobre os valores de acordo com sua renda.

Para o ano seguinte ainda não foi disponibilizada a tabela referente ao Imposto do ano de 2018. Em todo caso é possível conferir a do ano anterior para ter uma base para os cálculos.

Veja a seguir como foi a Tabela IRRF 2018:

Além disso, o usuário pode conferir a tabela de outros anos. Para estas informações, acesse aqui o site oficial da Receita.


 Restituição de acordo com a tabela IRRF 2018

A restituição permite que o contribuinte receba o  valor excedente à Receita Federal.

Ela ocorre em forma de crédito na conta que a pessoa informa no ato da declaração. Ainda ela é dividida em lote, portanto é necessário acompanhar o site da Receita para obter a informação quando vai acontecer. Os pagamentos acontecem entre Junho e Dezembro.

Sendo assim, tem o direito os cidadãos que pagaram os valores acima do que era devido à Receita Federal. Ainda serve para dependentes, que tiveram despesas médicas. Vale também para despesas com educação e até mesmo pensão alimentícia durante o período em questão.

Deste modo, é sempre importante ficar por dentro da Tabela IRRF 2018 para ter todos estes detalhes!

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 5
Total de Votos: 1

Tabela IRRF 2018: Tabela Progressiva Imposto de Renda 2018

One thought on “Tabela IRRF 2018: Tabela Progressiva Imposto de Renda 2018”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

AVALIE:::